Recife (PE), Brasil

quarta-feira, 13 de abril de 2011

Viagem a Bordeaux - 1o dia

Madrugamos mais uma vez e a manhã foi bastante estressante. Primeiro, o hotel não fez a reserva dos taxis que havíamos solicitado na noite anterior. Depois, como fiquei resolvendo a questão dos taxis (5 para todo o grupo de 13 pessoas), fui o último a sair do hotel e, ao chegar à estação, por volta das 6h, não encontrei ninguém, além de ter tido dificuldade para emitir o bilhete na máquina. Também não havia ninguém nas bilheterias ou no posto de informações para ajudar. Fiquei preocupado, pois o trem sairia às 6h45.

Depois de muito sufoco, consegui emitir os bilhetes e embarquei mesmo sem encontrar ninguém do grupo. Só na chegada a Bordeaux encontramos os amigos.

Fomos para o hotel e tivemos uma grande decepção inicial, pois este (Premiere Class de Lac Nord) fica em uma área industrial, além de uma rodovia federal, bem longe do centro comercial e histórico da cidade e sem qualquer atrativo.

Deixamos então as coisas e fomos para o Centro de Bordeaux, para almoçarmos e passearmos pela cidade.









 

A chegada ao centro foi uma maratona, pois tínhamos de caminhar um trecho à pé, às margens de uma alça da rodovia, pegar um ônibus e irmos até a estação Les Aulberts, e lá pegarmos um tram (veículo leve sobre trilhos) para chegarmos ao centro. Entretanto, pegamos o ônibus na direção errada e acabamos fazendo uma volta pela cidade vizinha de La Bastide até chegarmos ao centro de Bordeaux.

Apesar disso, o dia acabou sendo bastante agradavel, pois Bordeaux se revelou bem mais interessante do que esperávamos com base nos relatos das pessoas que já tinham estado lá. Assim, caminhamos bastante e depois fomos relaxar um pouco na Praça da Comédia, onde ficam a Ópera e o Grand Hotel.

Ao final da tarde, voltamos ao hotel, agora na direção correta, não sem antes passarmos no Carrefour para compramos lanches, vinhos e frios para nos esquentarmos à noite no saguão do hotel.
Por volta da meia noite, o recepcionista do hotel nos expulsou do saguão, pois as conversas já estavam muito animadas pelo vinho e há hóspedes também no andar térreo do hotel.

Agora (1h da manhã), estou indo dormir e pretendermos ir a Saint Emilion amanhã pela manhã.

Depois eu continuo com os detalhes do dia seguinte.

Nenhum comentário:

Postar um comentário