Recife (PE), Brasil

quarta-feira, 26 de agosto de 2009

Caçando Mitos II: o uso da descarga contamina as escovas de dente?

Recebi uma mensagem, que na verdade foi retirada do site do Programa Mais Você, da Ana Maria Braga, a qual alerta que, com o uso da descarga, uma nuvem de bactérias se espalha pelo banheiro e contamina as escovas de dente. Por isso, recomenda que sempre se dê descarga com a tampa fechada.

A recomendação foi tirada de uma entrevista que Ana Maria fez com um dentista de nome Hugo Lewgoy. Na verdade, embora o texto dê ênfase à questão da descarga, o médico deu inúmeras outras informações úteis sobre a importância da escovação adequada e apenas concordou com Ana Maria que é recomendável manter a tampa da privada fechada. Entre as dicas, destaco:

- usar escova ultra macia e com muitas cerdas;
- guardar as escovas no armário (acho que é bem mais eficaz que apenas baixar a tampa ou afastar as escovas da privada);
- usar tampinhas protetoras (aqui eu acho que depende da tampinha, pois algumas também costumam acumular resíduos, acabando por ser mais um fator de contaminação);
- não deixar as escovas em contato com outros objetos ou mesmo outras escovas; etc.

Veja o vídeo da entrevista, na íntegra, no site do Mais Você.

Lendo a mensagem e vendo o vídeo, lembrei-me de um episódio do programa "Caçadores de Mitos", que mostrou que, na verdade, não faz diferença se a escova fica ou não exposta à descarga: com o tempo todas elas apresentam vestígios de coliformes fecais, sem diferenças relevantes entre elas.

Pesquisando na internet, encontrei o vídeo do programa e editei a parte que mostra apenas o mito das escovas de dente. Confiram abaixo:

Nenhum comentário:

Postar um comentário